Pra transformar

O que é Home Staging e como usá-lo para vender ou alugar seu imóvel em menos tempo


A técnica criada na década de 70, nos Estados Unidos, ajuda proprietários a vender e alugar mais rápido com ótima margem de lucro

Se você ainda não ouviu falar em home staging, essa é a hora de conhecer e tirar proveito da técnica! Ele é imprescindível para quem quer alugar ou vender em menos tempo, com maior margem de lucro, seja você proprietário, corretor ou arquiteto.

O home staging nada mais é do que a combinação de técnicas e conhecimentos de Design de Interiores, Psicologia e Marketing que resultam em uma preparação adequada e encantadora de um determinado imóvel antes de ser anunciado para venda ou locação.

Com isso, potenciais compradores criam uma identificação maior com o imóvel já ao acessar o anúncio, têm mais interesse em fazer uma visita e, consequentemente, têm maiores chances de concretizar o negócio.

Mas, calma! Para isso tudo dar certo é importantíssimo seguir todos os passos para uma boa preparação! 

Como especialista desta área vou te apresentar ideias simples que você mesmo pode implementar e ter ótimo resultados. 

O que é home staging?

O home staging surgiu na década de 70, nos Estados Unidos, em meio a uma grande crise vivida pelo setor imobiliário na época. Lá, a técnica fez grande sucesso e logo se espalhou também por toda a Europa.

O principal objetivo é decorar um imóvel com foco na venda ou locação, fazendo o menor investimento possível. Para isso, é claro, toda a parte de estrutura do imóvel tem que estar em perfeitas condições.

Muito imóveis passam por pequenas melhorias, ou até reformas completas no que diz respeito a hidráulica, iluminação, pintura antes de receber o Home Staging. Tudo isso para que o imóvel esteja sem defeitos na hora de receber visitas de compradores em potencial.

O fato é que, em geral, as pessoas não percebem o quanto as pequenas alterações podem trazer grandes benefícios, como um diferencial para o imóvel e para gerar maior interesse dos consumidores. E a criadora do conceito, Barb Schwarz, inovou ao perceber exatamente isso.

Com um investimento baixo é possível melhorar a aparência de cada um dos ambientes de um imóvel, com foco no que ele tem de melhor.

Por mais que a jornada de compra de um imóvel muitas vezes possa ultrapassar o período de 2 anos desde a pesquisa, normalmente a tomada de decisão para a compra de um determinado imóvel acontece em poucos segundos após a entrada do cliente no apartamento ou na casa.

Portanto, se você não utilizar artifícios para proporcionar uma experiência maravilhosa na primeira impressão, dificilmente conseguirá se diferenciar dos imóveis concorrentes.

Home staging: como fazer

O home staging é feito por um profissional chamado Home Stager, e pode envolver somente consultoria, ou ser mais completo e incluir também a análise da situação e aplicação da técnica.

O foco deste artigo é enfatizar as dicas que você mesmo pode aplicar, com o menor custo e esforço possível. Confira os 4 pontos principais:

  • Organização e limpeza: nada fazer fotos ou receber visitas de clientes com o imóvel bagunçado. Tudo deve estar devidamente limpo e organizado.
  • Decoração: detalhes fazem a diferença! Não precisa ser muito, só precisa ser o suficiente para que a pessoa se imagine morando naquele ambiente. Ou seja, ter cara de casa! Cama com almofadas e lençóis neutros, plantas, quadros na sala, mesa posta, fruteira cheia na bancada da cozinha, etc;
  • Reparos: realizar pequenos consertos na pintura, garantir que está tudo certo com a parte elétrica e hidráulica, entre outros reparos essenciais;
  • Despersonalização: deixe os objetos pessoais fora da vista dos possíveis compradores, pois o imóvel que você vende não é o mesmo que você mora. Isso inclui fotos de familiares, brinquedos de crianças,

E funciona mesmo?

Uma pesquisa da NARS (National Association of Realtors), realizada nos Estados Unidos, mostrou que imóveis com as técnicas de Home Staging aplicadas levam até 50% menos tempo para serem vendidos ou alugados.

Não é a toa que eu e meu time de profissionais já tivemos algumas experiências incríveis nesse sentido.

Um dos cases que mais gosto é de um apartamento que passou por uma reforma completa, onde o proprietário investiu mais de 160 mil reais. E mesmo assim, o imóvel estava com dificuldades para ser vendido e ficou parado por mais de 5 meses.

Após o Home Staging, foi vendido em apenas 1 mês – e, mais legal ainda, é que foi entre o Natal e o Ano Novo, época considerada de baixa para o mercado.

Case de sucesso home staging

Outro exemplo de sucesso é o case de um imóvel que ficou 10 anos fechado por problemas de documentação, e depois, mais um ano nas imobiliárias da região, sem nenhuma visita ou proposta. Após passar por alguns reparos e o home staging, o imóvel foi vendido em apenas 24h. 

Esses são apenas alguns exemplos, pois cada vez mais resultados têm sido obtidos com essa técnica, que ajuda a vender imóveis em tempo recorde até mesmo em tempos de crise

Saiba mais sobre Home Staging: www.shae.com.br